6. Tribo‎ > ‎3. Processos‎ > ‎

3. Acordo de Remunerações

O Acordo de Remuneração serve para definir os parâmetros que irão compor a remuneração mensal de cada membro da Tribo, assim como o processo para conduzir revisões desse valor. O processo de revisão de remuneração será feito trimestralmente no FY20.

PREMISSAS:

  • O acordo precisa buscar o equilíbrio sistêmico entre competências, contribuição, competitividade de mercado e caixa.
  • O modelo deve contemplar o desenvolvimento com base na motivação e desejo pessoal das pessoas, e na estratégia coletiva da Tribo.
  • O modelo deve trazer equilíbrio financeiro e ROI positivo à Tribo
  • O modelo deve contemplar os princípios das ordens sistêmicas e da tríade evolutiva (autogestão, integralidade e propósito evolutivo) da Tribo.

PARÂMETROS:

  • Eixo Entrega:

Neste eixo é calculada a projeção da soma de todas as contribuições que cada pessoa fará em projetos externos durante o FY. Este número representa o valor proporcionalizado das contribuições do indivíduo dentro dos projetos que participou na execução.

Como projetar o eixo de entrega para o próximo FY?

Este é um valor auto-denominado, com base no potencial de entrega da pessoa. Para calcular esta projeção, a pessoa deve utilizar os valores de entrega do ano fiscal anterior como referência para, em seguida, sugerir a sua contribuição no novo FY. Ao encontrar sua projeção, a pessoa deve então pedir aconselhamento para ao menos 3 pessoas sobre os valores projetados para o próximo FY. A decisão de qual valor deve ser colocado na planilha de remuneração é inteiramente do indivíduo.

Como calcular minhas participações de entrega no FY anterior?

Para calcular este valor, a pessoa deve seguir a mesma representatividade percentual usada para a divisão da comissão de sucesso dado à pessoa em cada projeto que executou. A comissão de sucesso é feita por money-pile ao fim do projeto.

Ex: Pedro participou em um projeto de 100 mil reais no papel de líder de projeto. Ao fim do projeto, a equipe de projeto se reuniu e fez a partilha da comissão de sucesso através da metodologia de money-pile, distribuindo ao Pedro 35% da comissão disponível neste projeto. Sendo assim, Pedro utilizará este valor de 35% para calcular a sua representatividade no valor de entrega deste projeto, ou seja, 35% de 100 mil reais = R$35.000,00. Este é o valor que pedro irá somar a todas as outras entregas que fez no FY anterior para utilizar como referência em sua projeção futura de entrega.

  • Eixo Vendas

Neste eixo é calculada a projeção da soma de todas as contribuições que cada pessoa fará na venda de projetos durante o FY. Este número representa o valor proporcionalizado das contribuições do indivíduo dentro dos projetos que participou na venda.

Como projetar o eixo de vendas para o próximo FY?

Este é um valor auto-denominado, com base no potencial de venda da pessoa. Para calcular esta projeção, a pessoa deve utilizar os valores de venda do ano fiscal anterior como referência para, em seguida, sugerir a sua contribuição no novo FY. Ao encontrar sua projeção, a pessoa deve então pedir aconselhamento para ao menos 3 pessoas sobre os valores projetados para o próximo FY. A decisão de qual valor deve ser colocado na planilha de remuneração é inteiramente do indivíduo.

Como calcular minhas participações de vendas no FY anterior?

Para calcular este valor, a pessoa deve seguir a mesma representatividade percentua usada na divisão da comissão de vendas dado à pessoa em cada projeto. A comissão de vendas é feita por money-pile após emissão da nota fiscal.

Ex: Marco participou na venda de um projeto de 200 mil reais. Após emissão da nota, a equipe de vendas se reuniu e fez a partilha da comissão de vendas através da metodologia de money-pile, distribuindo ao Marco 30% da comissão disponível neste projeto. Sendo assim, Pedro utilizará este valor de 35% para calcular a sua representatividade no valor de venda deste projeto, ou seja, 30% de 200 mil reais = R$60.000,00. Este é o valor que pedro irá somar a todas as outras vendas que fez no FY anterior para utilizar como referência em sua projeção futura de vendas.

DEFINIÇÃO DE REMUNERAÇÃO: (acontece trimestralmente na reunião de governança da Tribo)

1o passo:
- Caso seja o fim de um ano fiscal: a pessoa avalia os seus valores atingidos de entrega e venda e realiza o processo de aconselhamento indicado na seção "PARÂMETROS";
- Caso seja o fim de um trimestre: é feito o levantamento dos valores já atingidos de vendas e entregas, para que a pessoa possa entender se está dentro, acima ou abaixo dos valores esperados para aquele respectivo trimestre. A partir disso, deve-se considerar se há a necessidade ou oportunidade de revisão do valor previamente acordado. Se houver, pode ser feito um novo processo de aconselhamento partindo do contexto atualizado.

2o passo: Proponente inclui o valor final projetado de vendas e de entregas na planilha de remuneração;

3o passo: A partir do valor de remuneração sugerida pela planilha, proponente auto-denomina o valor final que deseja receber mensalmente;

4o passo: Proponente abre rodada de apresentação das suas projeções individuais;

5o passo: Todos participam de uma rodada de preocupações;

6o passo: Abre-se rodada de objeções;

7o passo: Integração das preocupações e objeções à proposta de remuneração;

8o passo: Rodada de consentimento 

*9o passo: Em caso de objeção o proponente deve revisitar sua proposta, visando integrar as contribuições dadas por seu time. Neste caso, é possível pedir uma reunião de governança extraordinária. Em caso de nova objeções, será necessário que o proponente aguarde para a reunião oficial de revisão do próximo trimestre.     

**10o passo: Caso a soma das remunerações aprovadas causar impacto financeiro insustentável à Tribo, o processo será resetado para nova sessão de propostas. Caso um novo processo seja resetado, o próximo passo será uma pesquisa de sugestões feita pelo papel de coordenador da Tribo para definir uma novo processo de tomada de decisão.    

REVISÃO DE REMUNERAÇÃO:

 A cada trimestre iremos realizar uma reunião de governança da Tribo para a reavaliação das remunerações individuais. Nesta reunião utilizaremos os valores atualizados do FY para avaliarmos quaisquer correções de rota necessárias para o crescimento sustentável da Tribo como um todo. Qualquer alteração nos valores de remuneração devem seguir todo o procedimento de consentimento e aconselhamento descrito acima. 

Subpáginas (1): Revisão
Comments